Praias Selvagens e Museu da CBF: Quinto dia no Rio de Janeiro

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someonePrint this page

Quinto e último dia no Rio de Janeiro. Pode parecer que estaríamos cansados deste lugar, mas viver o Rio nunca é demais!

O último dia começou bem cedo, acordamos e fizemos um café da manhã reforçado no hotel que estávamos hospedados, o Hilton Barra, com direito a tapioca, iogurtes, frutas e muita coisa boa aguentar o ritmo cansativo do dia. Precisaria ser um café leve, pois teríamos uma boa caminhada pela frente.

 

montagem1

Café da manhã no Hilton Barra, leve porém reforçado

No horário combinado, às 08 horas a equipe do Rio Ecoesporte chegou à recepção do hotel, muito bem representado pelo Marcelo Bueno que seria nosso guia durante o todo o passeio. Com muita simpatia, bom humor e todas as informações na ponta da língua, Marcelo tornou tudo ainda mais divertido!

De carro, saímos da Barra e descemos até o final do Recreio dos Bandeirantes até chegarmos ao mirante do Roncador, perto da praia do Secreto em um trajeto de um pouco mais de 16 km. Paramos alguns minutos para admirarmos a vista e observarmos a região ganhando vida, com diversas pessoas caminhando, correndo ou pedalando.

Antes de continuar, vale lembrar: Leve água, um pequeno lanche, protetor solar e use roupas leves.

Seguimos para a Prainha, onde iríamos começar nossa caminhada. Entramos no Parque Natural Municipal da Prainha, onde iniciamos uma trilha de aproximadamente 40 minutos que te leva ao mirante do Caeté.

O passeio rendeu boas risadas e muito suor. A caminhada é leve, mas o calor pode dificultar um pouco, e no dia que fomos estava bem quente.

img_1690

Durante a trilha encontramos diversas formas de vida

A caminhada pela trilha é cercada de vida. Macacos balançam nas árvores, pássaros cantam e flores colorem o caminho. E tudo fica ainda mais bonito lá de cima. Chegamos ao topo, e do mirante você consegue ver a praia do Secreto, a praia da Macumba, a pedra do Pontal, o Recreio, a Barra e a pedra da Gávea. Sem dúvidas é uma vista sensacional!

gopr6491-00_01_01_04-quadro004

A sensacional vista do Mirante

No dia em que visitamos era feriado de Tiradentes, então estava bastante cheio e tinha até uma pequena fila para fazer fotografias.

Antes de fechar nosso passeio seguimos para a praia de Grumari para darmos um mergulho. Paramos nos quiosque da Corona, um gostoso espaço com espreguiçadeiras e confortáveis cadeiras para relaxar. Tomamos nossa tradicional caipirinha, que estava uma delícia.

img_0051

As praias intocadas do Rio de Janeiro

img_0072

Quiosque Corona, na praia de Grumari

img_0058

Um gostoso lugar para relaxar

De volta ao hotel, hora de pegar as malas e despedir do Rio de Janeiro… mas antes uma última visita, o Museu da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Ao chegar tivemos a primeira surpresa, não sabíamos que o local onde fica o Museu da CBF era também a sede da CBF.

Fomos muito bem recepcionados e direcionados para a primeira sala, onde assistimos a um vídeo no mesmo auditório onde são realizados sorteios de campeonatos e premiações.

“Confesso que chorei. Não que eu seja fã da seleção brasileira, mas fiquei pensando o quanto o futebol é importante para a cultura brasileira e transforma vidas” – Mateus.

montagem1

Vários troféus e uma sala dedicada ao Pentacampeonato

Passamos por salas de troféus, camisas (réplicas e originais) histórias de campeonatos que aparecem com um clique na tela, narrações oficiais de gols lendários, vídeos e uma sala de realidade virtual. O Museu é tecnológico e interativo, e seja você fã ou não de futebol, com certeza vai adorar!

“A visita realmente foi surpreendente, eu não imaginava que pudesse ser tão legal como foi!” – Lu.

img_1756

Encontramos uma sala diferente, com uma bola representando cada Estado brasileiro

img_1755

O nosso Estado, Minas Gerais

Terminamos a visita com fome, então seguimos a sugestão do nosso guia Marcelo e fomos conhecer o Up Town, que é uma feira popular com imensas galerias e diversas lojas. No galpão principal há uma feira gastronômica com cervejarias, restaurantes e muitas opções de doces, pães, verduras e alguns quitutes, além de boa música ao vivo.

Infelizmente estávamos com o tempo contado para irmos até o próximo destino, então aproveitamos pouco do que o espaço pode oferecer. Despedimos-nos do Rio com um enorme sentimento de queremos mais. Foram dias maravilhosos que viveremos novamente, em breve!

Lugares para conhecer

Parque Natural Municipal da Prainha
Endereço: Avenida Estado da Guanabara, 58 – Recreio dos Bandeirantes
Entrada Gratuita

Praia de Grumari
Endereço: Avenida Estado da Guanabara, s/n – Grumari – Rio de Janeiro
Entrada Gratuita

Museu da CBF
Avenida Luis Carlos Prestes 130, Barra da Tijuca
Entrada: R$22 – Valor inteira 

Restaurantes, bares, etc

Up Town Barra
Endereço: Avenida Ayrton Senna, 5500 – Barra da Tijuca

Entrada Gratuita
O que serve: Feira Gastronômica (Restaurantes diversos, pães, cervejas especiais).

 

Agradecimento especial ao Convention & Visitors Bureau e apoio da Arteiras Comunicação em nossa passagem pela cidade. Temos certeza que fizeram todo o diferencial!

 

Luiza e Mateus

www.casamil.com.br

Estivemos no Rio de Janeiro entre os dias 17 e 21 de abril 2017. Post sobre o dia 21 de abril.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someonePrint this page

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *